AcessibilidadeAcessibilidadeInternacional

TecnoUnisc

TOMADA DE DECISÃO GERENCIAL COM ENFOQUE EM TEORIA DOS CONJUNTOS NEBULOSOS (FUZZY SETS) E LÓGICA NEBULOSA (FUZZY LOGIC) : INTEGRAÇÃO FUZZY 

Prof. Elpidio Oscar Benitez Nara

Uma abordagem inovadora e promissora surge com a análise multicritério em teoria dos conjuntos nebulosos (fuzzy sets) e lógica nebulosa (fuzzy logic) nas organizações, o foco do trabalho da pesquisa em sistemas de suporte de decisão centrada no modelo fuzzy usando modelos multicritérios de decisão, nos quais existem diferenças entre a teoria fuzzy sets e fuzzy logic. Neste projeto de pesquisa, pretende-se investigar as tomada de decisões na gestão por processos em manufatura fazendo uso das análises fuzzy ou seja integrando dois nebulosos para soluções de tomada de decisão não lineares. Também será investigado a estruturação dos problemas de decisão, como foco nos métodos fuzzy sets e logic por meio de suas estruturas axiomáticas; a pesquisa dos métodos e técnicas de categorização das decisões com foco na aquisição de conhecimento a partir de conjuntos de informações, a aplicação da técnica em empresas corporativas de pequenas e grande porte como solução gerencial de decisão e divulgação das fusões cientificas encontradas através dos meios científicos reconhecidos. A pesquisa se justifica pela contribuição teórica e prática. A contribuição é teórica, pois discutira a literatura de analise multicritérios com aprofundamento no sentido de integrar em relação à metodologia empregada no presente estudo à luz da afiliação teórica adotada, que possibilitará novos conceitos e atribuições. Adicionalmente, o estudo coteja a presença dos elementos considerados importantes na construção de conceitos e modelos, segundo a literatura em relação ao modelo construído. A contribuição prática emerge pela aplicação de modelo de analise multicritérios de uma área pouca e de difícil gerenciamento das organizações no setor de manufatura.

 Palavras-chaves: Tomada de decisão, análise multicritério, Conjuntos nebulosos, Lógica nebulosa   

 


 

Desenvolvimento de métodos de diagnóstico e de alternativas terapêuticas para câncer e infecções oportunistas

Profa. Jane Dagmar Pollo Renner 

O diagnóstico de infecções microbianas geralmente é realizado por técnicas microbiológicas convencionais, através da cultura de fluidos biológicos (escarro, liquido pleural, sangue e urina). A identificação correta é crucial para determinar o agente patogênico, a escolha e duração do antibioticoterapia, e os procedimentos adequados no controle da infecção. As técnicas moleculares detectam os ácidos nucleicos e são altamente sensíveis na detecção do material genético diversos microrganismos. O objetivo deste projeto é analisar o impacto do tratamento empírico de pacientes com infecções bacterianias, fúngicas e virais e desenvolver métodos moleculares no diagnóstico de doenças microbianas. Será realizado um estudo descritivo-analítico transversal, em que serão incluídas amostras de microrganismos padrão na padronização da metodologia para identificação de bactérias, de fungos, de vírus e de protozoários. Posteriormente, serão coletadas amostras de pacientes internados, de ambientes e de profissionais de saúde do Hospital Santa Cruz, localizado no município de Santa Cruz do Sul – RS. Será verificado a sensibilidade, a especificidade e a acurácia dos métodos padronizados. Por fim, os resultados esperados são a padronização das técnicas de PCR em tempo real, altamente sensíveis e específicas para diagnóstico de doenças microbianas. Espera-se ainda que, posteriormente consiga-se estar transferindo as tecnologias desenvolvidas para algum serviço de saúde. Desta maneira, consegue- se estar contribuindo para a redução dos custos na internação, com medicamentos e com exames diagnósticos; bem como propiciar a segurança dos pacientes críticos internados, minimizando riscos de morbimortalidade.

 


Ambiente Computacional para Promover a Criatividade e a Inovação nas Organizações – Fase 2: Estudo sobre a Virtualização de Serviços

Profa. Rejane Frozza e Liane Kipper

O projeto, na primeira fase, teve apoio externo da Secretaria do Desenvolvimento, Ciência e Tecnologia (SDECT). O projeto foi intitulado Ambiente Computacional para Promover a Criatividade e a Inovação nas Organizações (Apoio à Indústria Criativa do Rio Grande do Sul – Edital de Chamada Pública DCIT Nº 03/2015) que envolveu professores, estudantes e bolsistas do Departamento de Computação e do Programa de Pós-Graduação em Sistemas e Processos Industriais da UNISC. Como principal objetivo foi desenvolvida a Ferramenta IdeiaWare, composta pelos módulos colaborativo, storytelling, caixa de ferramentas e retenção do conhecimento. O módulo colaborativo é um espaço virtual dedicado aos colaboradores (usuários da ferramenta) para que esses possam discutir e trabalhar, de forma colaborativa, na concepção e aprimoramento de ideias de produtos ou serviços. O módulo storytelling (ato de contar histórias) permite o desenvolvimento da ideia elaborada de forma colaborativa em uma história com o uso de recursos gráficos (imagens, cores, formas, desenhos livres). O módulo caixa de ferramentas possui duas ferramentas do Design Thinking, Persona e Point of View, que colocam os criadores da ideia a pensarem sobre o público-alvo, suas dificuldades, interesses e visões sobre a ideia gerada. O módulo de retenção de conhecimento armazena todo conhecimento gerado nos módulos anteriores e permite acesso a gestores para visualizarem todo processo desenvolvido pelos colaboradores da organização. Também foi realizada uma etapa de avaliação da Ferramenta, referentes aos aspectos de usabilidade e funcionalidades, com uma turma de trinta e oito estudantes da graduação de Engenharia de Produção da UNISC, e com um grupo de 30 usuários de Empresas da região. Os usuários trabalharam em todos os módulos da Ferramenta e ressaltaram aspectos positivos e melhorias a serem desenvolvidas. Neste momento, o foco será no aprimoramento da Ferramenta desenvolvida, a partir das melhorias e sugestões vindas do processo de avaliação realizado; aprimoramento do quinto módulo da Ferramenta, referente à captura de expressões faciais do usuário para analisar comportamento; e levantamento de propostas de virtualização de serviços nas Empresas do TECNOUNISC, a partir da criação, colaboração e modelagem das ideias no IdeiaWare.

 


DISTÚRBIOS DO SONO, CARDIORRESPIRATÓRIOS E FÍSICO FUNCIONAIS EM PORTADORES DE DPOC: UM ESTUDO EPIDEMIOLÓGICO.

Profa. Andrea Gonçalves

A Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC) tem apresentado uma elevação progressiva dos índices de morbidade e mortalidade, sugerindo que o pulmão, como único alvo terapêutico, não tem contribuído para mudanças significativas na evolução natural da doença. Direcionar o tratamento para as alterações sistêmicas e comorbidades, sendo estes os maiores responsáveis pelos elevados índices de insucesso terapêutico, pode significar uma nova esperança de vida aos portadores da DPOC. Reconhecer a influência das comorbidades e a sua frequência em população com DPOC local e específica é de fundamental importância, pois se sabe que nas ultimas décadas, a frequência de comorbidades em portadores de DPOC, apresentou uma prevalência geral alta, variando entre 65-81%. O objetivo principal do projeto é quantificar a frequência e influência dos distúrbios do sono e cardiorrespiratórios sobre o desempenho físico funcional e capacidade de exercício em portadores de DPOC. Nas atividades de pesquisa estão previstas as avaliações: clínica, epidemiológica, função respiratória e variabilidade da frequência cardíaca, capacidade funcional e de exercício físico, levantamento dos distúrbios do sono. Os sujeitos de pesquisa também serão submetidos a testes físicos máximos e submáximos com o uso de pressão positiva expiratória contínua (CPAP) portátil, cuja bateria foi criada por nós. Atualmente há estudos que avaliam a influência de distúrbios do sono e cardiorrespiratórios sobre a capacidade de exercício em portadores de DPOC, no entanto, ainda se faz se suma importância o esclarecimento das respostas do controle autonômico frente a testes máximos e submáximos com utilização de CPAP. A originalidade desta pesquisa está em saber se os distúrbios do sono alteram a variabilidade da frequência cardíaca e influenciam negativamente na capacidade de exercícios nos portadores de DPOC. Sendo assim, nosso projeto procura melhor esclarecer estas questões e contribuir para novas ferramentas de investigação junto a estes pacientes, tanto no ambiente clínico quanto no terapêutico. Esta pesquisa é totalmente viável, está sendo desenvolvida junto do Programa de Reabilitação Pulmonar do Hospital Santa Cruz, serviço com história prévia de pesquisa reconhecida cientificamente e com financiamento externo do Ministério da Sáude/ Fapergs PPSUS 2013-2015, conta com equipamentos próprios adquiridos ao longo dos anos e principalmente com a aquisição do Apneialink®plus em 2016, que permitirá analisar dos distúrbios do sono de forma não invasiva e domiciliar. A equipe de pesquisa está apta tecnicamente a desenvolver as atividades, realizamos treinamento sistematicamente e contamos com o apoio técnico da Universidade Federal de São Carlos. Desta forma, acredita-se que será possível refinar o conhecimento dos mecanismos pelos quais a presença de comorbidades como os distúrbios do sono e alterações da modulação autonômica influenciam a capacidade funcional e de exercícios nos portadores de DPOC, bem como se o uso do CPAP portátil interfere nesta dinâmica.

 


 

Data4care – Uma plataforma de Tecnologia de Informação para apoio à qualificação de serviços em saúde individual e coletiva

Prof. Leonal Tedesco e Rolfi Molz

A presente proposta trata do desenvolvimento de uma plataforma de Tecnologia da Informação, denominada Data4Care, para qualificação de serviços de saúde, tanto de forma individual quanto coletiva. Para este fim, esta plataforma está dividida em 4 partes fundamentais: (i) captura de informação; (ii) base de dados; (iii) processamento; (iv) apresentação. Processos computacionais referentes à medicina personalizada serão aqui desenvolvidos, devendo considerar informações específicas de cada paciente, como sinais vitais e comportamentos do cotidiano (por exemplo, uso de tabaco, alimentação e exercícios físicos). Neste caso, o sistema deve ser reativo a eventos de curto prazo (como queda de pressão e infarto) e preventivo, considerando comportamentos a longo prazo (por exemplo, evolução de doença). Processos computacionais com foco em medicina coletiva tratam dados populacionais, sendo consideradas informações individuais de diferentes pacientes, os quais serão tratados em conjunto. Nesta situação, o sistema deve oferecer conhecimento para tomadas de decisão em nível de saúde coletiva (como dimensionamento de recursos hospitalares e prevenção de epidemias). Espera-se que o sistema a ser desenvolvido possa apoiar tomadas de decisão, no sentido de oferecer a profissionais e gestores uma ferramenta para a qualificação de processos na área de saúde.

 


 

AVALIAÇÃO DE PARÂMETROS BIOLÓGICOS, DE APTIDÃO FÍSICA, ESTILO DE VIDA E FATORES DE RISCO ÀS DOENÇAS CARDIOVASCULARES EM ADOLESCENTES E JOVENS ADULTOS: estudo de acompanhamento de 8 anos

Profa. Cézane Reuter

Diversos estudos evidenciam as relações transversais entre aspectos do estilo de vida, desordens metabólicas, aspectos genéticos e de aptidão física relacionada à saúde com fatores de risco às doenças cardiovasculares. No entanto, são escassos os estudos que avaliam esses aspectos de forma longitudinal, aumentando o poder de inferência causal entre as variáveis. A presente pesquisa objetiva investigar a saúde de adolescentes e jovens adultos, por meio da avaliação longitudinal de parâmetros biológicos, de aptidão física relacionada à saúde, estilo de vida e fatores de risco às doenças cardiovasculares. Trata-se de um estudo de coorte, com amostra aproximada de 300 adolescentes e jovens adultos, do município de Santa Cruz do Sul, da zona urbana e rural. Serão incluídos no estudo os sujeitos que participaram da coleta de dados da pesquisa “Saúde dos escolares”, realizada no período de 2011/2012, quando os sujeitos apresentavam idade entre 7 a 17 anos de idade. Estes sujeitos serão reavaliados em 2019/2020, quando terão 15 a 26 anos de idade, nos seguintes parâmetros: aspectos bioquímicos (perfil glicêmico, lipídico, marcadores renais e hepáticos), hematológicos, genéticos (polimorfismo no gene associado à massa gorda e obesidade; rs9939609 FTO – fat mass and obesity associated gene), os níveis de aptidão física relacionada à saúde (aptidão cardiorrespiratória, flexibilidade e resistência abdominal), estilo de vida (sedentarismo, prática de atividade física e hábitos nutricionais) e fatores de risco às doenças cardiovasculares (obesidade e hipertensão arterial). Serão utilizados equipamentos inovadores para avaliação dos níveis de atividade física (acelerometria) e da função cardiopulmonar (analisador de gases portátil), possibilitando a criação de equações de predição do consumo máximo de oxigênio para testes tradicionais de pista, beneficiando áreas envolvidas na avaliação e acompanhamento da saúde de crianças, adolescentes e adultos (escolas, clubes e centros esportivos, área médica, empresas e indústrias, por exemplo). Os dados longitudinais serão úteis, também, para a criação de modelos de inteligência artificial para predição de futuras complicações à saúde, como doenças cardiovasculares.

 

TecnoUnisc

TOMADA DE DECISÃO GERENCIAL COM ENFOQUE EM TEORIA DOS CONJUNTOS NEBULOSOS (FUZZY SETS) E LÓGICA NEBULOSA (FUZZY LOGIC) : INTEGRAÇÃO FUZZY 

Prof. Elpidio Oscar Benitez Nara

Uma abordagem inovadora e promissora surge com a análise multicritério em teoria dos conjuntos nebulosos (fuzzy sets) e lógica nebulosa (fuzzy logic) nas organizações, o foco do trabalho da pesquisa em sistemas de suporte de decisão centrada no modelo fuzzy usando modelos multicritérios de decisão, nos quais existem diferenças entre a teoria fuzzy sets e fuzzy logic. Neste projeto de pesquisa, pretende-se investigar as tomada de decisões na gestão por processos em manufatura fazendo uso das análises fuzzy ou seja integrando dois nebulosos para soluções de tomada de decisão não lineares. Também será investigado a estruturação dos problemas de decisão, como foco nos métodos fuzzy sets e logic por meio de suas estruturas axiomáticas; a pesquisa dos métodos e técnicas de categorização das decisões com foco na aquisição de conhecimento a partir de conjuntos de informações, a aplicação da técnica em empresas corporativas de pequenas e grande porte como solução gerencial de decisão e divulgação das fusões cientificas encontradas através dos meios científicos reconhecidos. A pesquisa se justifica pela contribuição teórica e prática. A contribuição é teórica, pois discutira a literatura de analise multicritérios com aprofundamento no sentido de integrar em relação à metodologia empregada no presente estudo à luz da afiliação teórica adotada, que possibilitará novos conceitos e atribuições. Adicionalmente, o estudo coteja a presença dos elementos considerados importantes na construção de conceitos e modelos, segundo a literatura em relação ao modelo construído. A contribuição prática emerge pela aplicação de modelo de analise multicritérios de uma área pouca e de difícil gerenciamento das organizações no setor de manufatura.

 Palavras-chaves: Tomada de decisão, análise multicritério, Conjuntos nebulosos, Lógica nebulosa   

 


 

Desenvolvimento de métodos de diagnóstico e de alternativas terapêuticas para câncer e infecções oportunistas

Profa. Jane Dagmar Pollo Renner 

O diagnóstico de infecções microbianas geralmente é realizado por técnicas microbiológicas convencionais, através da cultura de fluidos biológicos (escarro, liquido pleural, sangue e urina). A identificação correta é crucial para determinar o agente patogênico, a escolha e duração do antibioticoterapia, e os procedimentos adequados no controle da infecção. As técnicas moleculares detectam os ácidos nucleicos e são altamente sensíveis na detecção do material genético diversos microrganismos. O objetivo deste projeto é analisar o impacto do tratamento empírico de pacientes com infecções bacterianias, fúngicas e virais e desenvolver métodos moleculares no diagnóstico de doenças microbianas. Será realizado um estudo descritivo-analítico transversal, em que serão incluídas amostras de microrganismos padrão na padronização da metodologia para identificação de bactérias, de fungos, de vírus e de protozoários. Posteriormente, serão coletadas amostras de pacientes internados, de ambientes e de profissionais de saúde do Hospital Santa Cruz, localizado no município de Santa Cruz do Sul – RS. Será verificado a sensibilidade, a especificidade e a acurácia dos métodos padronizados. Por fim, os resultados esperados são a padronização das técnicas de PCR em tempo real, altamente sensíveis e específicas para diagnóstico de doenças microbianas. Espera-se ainda que, posteriormente consiga-se estar transferindo as tecnologias desenvolvidas para algum serviço de saúde. Desta maneira, consegue- se estar contribuindo para a redução dos custos na internação, com medicamentos e com exames diagnósticos; bem como propiciar a segurança dos pacientes críticos internados, minimizando riscos de morbimortalidade.

 


Ambiente Computacional para Promover a Criatividade e a Inovação nas Organizações – Fase 2: Estudo sobre a Virtualização de Serviços

Profa. Rejane Frozza e Liane Kipper

O projeto, na primeira fase, teve apoio externo da Secretaria do Desenvolvimento, Ciência e Tecnologia (SDECT). O projeto foi intitulado Ambiente Computacional para Promover a Criatividade e a Inovação nas Organizações (Apoio à Indústria Criativa do Rio Grande do Sul – Edital de Chamada Pública DCIT Nº 03/2015) que envolveu professores, estudantes e bolsistas do Departamento de Computação e do Programa de Pós-Graduação em Sistemas e Processos Industriais da UNISC. Como principal objetivo foi desenvolvida a Ferramenta IdeiaWare, composta pelos módulos colaborativo, storytelling, caixa de ferramentas e retenção do conhecimento. O módulo colaborativo é um espaço virtual dedicado aos colaboradores (usuários da ferramenta) para que esses possam discutir e trabalhar, de forma colaborativa, na concepção e aprimoramento de ideias de produtos ou serviços. O módulo storytelling (ato de contar histórias) permite o desenvolvimento da ideia elaborada de forma colaborativa em uma história com o uso de recursos gráficos (imagens, cores, formas, desenhos livres). O módulo caixa de ferramentas possui duas ferramentas do Design Thinking, Persona e Point of View, que colocam os criadores da ideia a pensarem sobre o público-alvo, suas dificuldades, interesses e visões sobre a ideia gerada. O módulo de retenção de conhecimento armazena todo conhecimento gerado nos módulos anteriores e permite acesso a gestores para visualizarem todo processo desenvolvido pelos colaboradores da organização. Também foi realizada uma etapa de avaliação da Ferramenta, referentes aos aspectos de usabilidade e funcionalidades, com uma turma de trinta e oito estudantes da graduação de Engenharia de Produção da UNISC, e com um grupo de 30 usuários de Empresas da região. Os usuários trabalharam em todos os módulos da Ferramenta e ressaltaram aspectos positivos e melhorias a serem desenvolvidas. Neste momento, o foco será no aprimoramento da Ferramenta desenvolvida, a partir das melhorias e sugestões vindas do processo de avaliação realizado; aprimoramento do quinto módulo da Ferramenta, referente à captura de expressões faciais do usuário para analisar comportamento; e levantamento de propostas de virtualização de serviços nas Empresas do TECNOUNISC, a partir da criação, colaboração e modelagem das ideias no IdeiaWare.

 


DISTÚRBIOS DO SONO, CARDIORRESPIRATÓRIOS E FÍSICO FUNCIONAIS EM PORTADORES DE DPOC: UM ESTUDO EPIDEMIOLÓGICO.

Profa. Andrea Gonçalves

A Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC) tem apresentado uma elevação progressiva dos índices de morbidade e mortalidade, sugerindo que o pulmão, como único alvo terapêutico, não tem contribuído para mudanças significativas na evolução natural da doença. Direcionar o tratamento para as alterações sistêmicas e comorbidades, sendo estes os maiores responsáveis pelos elevados índices de insucesso terapêutico, pode significar uma nova esperança de vida aos portadores da DPOC. Reconhecer a influência das comorbidades e a sua frequência em população com DPOC local e específica é de fundamental importância, pois se sabe que nas ultimas décadas, a frequência de comorbidades em portadores de DPOC, apresentou uma prevalência geral alta, variando entre 65-81%. O objetivo principal do projeto é quantificar a frequência e influência dos distúrbios do sono e cardiorrespiratórios sobre o desempenho físico funcional e capacidade de exercício em portadores de DPOC. Nas atividades de pesquisa estão previstas as avaliações: clínica, epidemiológica, função respiratória e variabilidade da frequência cardíaca, capacidade funcional e de exercício físico, levantamento dos distúrbios do sono. Os sujeitos de pesquisa também serão submetidos a testes físicos máximos e submáximos com o uso de pressão positiva expiratória contínua (CPAP) portátil, cuja bateria foi criada por nós. Atualmente há estudos que avaliam a influência de distúrbios do sono e cardiorrespiratórios sobre a capacidade de exercício em portadores de DPOC, no entanto, ainda se faz se suma importância o esclarecimento das respostas do controle autonômico frente a testes máximos e submáximos com utilização de CPAP. A originalidade desta pesquisa está em saber se os distúrbios do sono alteram a variabilidade da frequência cardíaca e influenciam negativamente na capacidade de exercícios nos portadores de DPOC. Sendo assim, nosso projeto procura melhor esclarecer estas questões e contribuir para novas ferramentas de investigação junto a estes pacientes, tanto no ambiente clínico quanto no terapêutico. Esta pesquisa é totalmente viável, está sendo desenvolvida junto do Programa de Reabilitação Pulmonar do Hospital Santa Cruz, serviço com história prévia de pesquisa reconhecida cientificamente e com financiamento externo do Ministério da Sáude/ Fapergs PPSUS 2013-2015, conta com equipamentos próprios adquiridos ao longo dos anos e principalmente com a aquisição do Apneialink®plus em 2016, que permitirá analisar dos distúrbios do sono de forma não invasiva e domiciliar. A equipe de pesquisa está apta tecnicamente a desenvolver as atividades, realizamos treinamento sistematicamente e contamos com o apoio técnico da Universidade Federal de São Carlos. Desta forma, acredita-se que será possível refinar o conhecimento dos mecanismos pelos quais a presença de comorbidades como os distúrbios do sono e alterações da modulação autonômica influenciam a capacidade funcional e de exercícios nos portadores de DPOC, bem como se o uso do CPAP portátil interfere nesta dinâmica.

 


 

Data4care – Uma plataforma de Tecnologia de Informação para apoio à qualificação de serviços em saúde individual e coletiva

Prof. Leonal Tedesco e Rolfi Molz

A presente proposta trata do desenvolvimento de uma plataforma de Tecnologia da Informação, denominada Data4Care, para qualificação de serviços de saúde, tanto de forma individual quanto coletiva. Para este fim, esta plataforma está dividida em 4 partes fundamentais: (i) captura de informação; (ii) base de dados; (iii) processamento; (iv) apresentação. Processos computacionais referentes à medicina personalizada serão aqui desenvolvidos, devendo considerar informações específicas de cada paciente, como sinais vitais e comportamentos do cotidiano (por exemplo, uso de tabaco, alimentação e exercícios físicos). Neste caso, o sistema deve ser reativo a eventos de curto prazo (como queda de pressão e infarto) e preventivo, considerando comportamentos a longo prazo (por exemplo, evolução de doença). Processos computacionais com foco em medicina coletiva tratam dados populacionais, sendo consideradas informações individuais de diferentes pacientes, os quais serão tratados em conjunto. Nesta situação, o sistema deve oferecer conhecimento para tomadas de decisão em nível de saúde coletiva (como dimensionamento de recursos hospitalares e prevenção de epidemias). Espera-se que o sistema a ser desenvolvido possa apoiar tomadas de decisão, no sentido de oferecer a profissionais e gestores uma ferramenta para a qualificação de processos na área de saúde.

 


 

AVALIAÇÃO DE PARÂMETROS BIOLÓGICOS, DE APTIDÃO FÍSICA, ESTILO DE VIDA E FATORES DE RISCO ÀS DOENÇAS CARDIOVASCULARES EM ADOLESCENTES E JOVENS ADULTOS: estudo de acompanhamento de 8 anos

Profa. Cézane Reuter

Diversos estudos evidenciam as relações transversais entre aspectos do estilo de vida, desordens metabólicas, aspectos genéticos e de aptidão física relacionada à saúde com fatores de risco às doenças cardiovasculares. No entanto, são escassos os estudos que avaliam esses aspectos de forma longitudinal, aumentando o poder de inferência causal entre as variáveis. A presente pesquisa objetiva investigar a saúde de adolescentes e jovens adultos, por meio da avaliação longitudinal de parâmetros biológicos, de aptidão física relacionada à saúde, estilo de vida e fatores de risco às doenças cardiovasculares. Trata-se de um estudo de coorte, com amostra aproximada de 300 adolescentes e jovens adultos, do município de Santa Cruz do Sul, da zona urbana e rural. Serão incluídos no estudo os sujeitos que participaram da coleta de dados da pesquisa “Saúde dos escolares”, realizada no período de 2011/2012, quando os sujeitos apresentavam idade entre 7 a 17 anos de idade. Estes sujeitos serão reavaliados em 2019/2020, quando terão 15 a 26 anos de idade, nos seguintes parâmetros: aspectos bioquímicos (perfil glicêmico, lipídico, marcadores renais e hepáticos), hematológicos, genéticos (polimorfismo no gene associado à massa gorda e obesidade; rs9939609 FTO – fat mass and obesity associated gene), os níveis de aptidão física relacionada à saúde (aptidão cardiorrespiratória, flexibilidade e resistência abdominal), estilo de vida (sedentarismo, prática de atividade física e hábitos nutricionais) e fatores de risco às doenças cardiovasculares (obesidade e hipertensão arterial). Serão utilizados equipamentos inovadores para avaliação dos níveis de atividade física (acelerometria) e da função cardiopulmonar (analisador de gases portátil), possibilitando a criação de equações de predição do consumo máximo de oxigênio para testes tradicionais de pista, beneficiando áreas envolvidas na avaliação e acompanhamento da saúde de crianças, adolescentes e adultos (escolas, clubes e centros esportivos, área médica, empresas e indústrias, por exemplo). Os dados longitudinais serão úteis, também, para a criação de modelos de inteligência artificial para predição de futuras complicações à saúde, como doenças cardiovasculares.

 

MENU PRINCIPAL