Serviços Comunitários

A Clínica de Odontologia da UNISC é uma clínica escola, ou seja, os atendimentos clínicos prestados à comunidade são realizados por estudantes de graduação, com a supervisão direta de professores do Curso de Odontologia da UNISC.

Os atendimentos seguem datas e horários conforme o calendário da Universidade, ou seja, os atendimentos ocorrem nos meses em que ocorrem as aulas da UNISC.

A assistência acontece nas Clínicas Odontológicas, que tem seu funcionamento nos três turnos, manhã, tarde e noite, de segunda a sexta-feira, das 7h30min às 22h30min. Somente nas sextas-feiras à noite não ocorrem atendimentos.

A prestação de serviços à comunidade se dá através da realização de tratamentos nas áreas de dentística – restaurações, endodontia – tratamento de canal, periodontia, cirurgia, próteses dentárias – próteses totais e parciais, ortodontia (preventiva para crianças de 7 a 9 anos) e odontopediatria – atendimento de crianças de 0 a 12 anos de idade, bem como orientações voltadas à prevenção de doenças e à promoção de saúde.

 

PACIENTES NOVOS

No momento não há vagas para pacientes novos.

 

CRIANÇAS: Quando os responsáveis tiverem interesse em fazer o cadastro da criança, não será necessário vir até a Clínica, pode ser feito o contato pelo telefone (51) 3717-1115, basta ter o nome completo, nome da mãe, telefone e data de nascimento. Porém, há uma lista de espera com muitos interessados.

 

URGÊNCIAS

A clínica possui um serviço de urgência para quem esteja com dor de dente, abscesso ou hemorragia. O atendimento de urgência é previamente agendado. O paciente da clínica pode informar-se pelo telefone 3717-1115 sobre a possibilidade de atendimento na urgência, pois a cada semestre os turnos de atendimento são alterados.

 

PACIENTES ANTIGOS

Os pacientes antigos da clínica que desejam retornar ao atendimento podem fazer o agendamento por telefone, pelo número: 3717-1115.

 

ESTUDANTES EM CLÍNICA

A clínica oferece aos estudantes do curso a oportunidade de adquirirem conhecimentos em diversas áreas da Odontologia, através da realização das “Atividades e práticas independentes”. Eles podem observar os atendimentos clínicos em disciplinas as quais ainda não estão matriculados, o que significa uma oportunidade de se interar dos conteúdos e práticas odontológicas antes de iniciarem na disciplina ou mesmo aprimorarem conhecimentos em áreas que possuem maior interesse.

 

ATENDIMENTOS DOS PROJETOS DE EXTENSÃO

Além disso, são realizados atendimentos nos projetos de extensão que ocorrem em paralelo às disciplinas, que significam atendimentos prestados em áreas específicas ou voltados para públicos determinados, como por exemplo: o projeto de Diagnóstico Bucal – Estomatologia, o qual disponibiliza atendimento para diagnóstico de alterações em tecido mole e duro da cavidade bucal e anexos, o projeto de Reabilitação de Pacientes Oncológicos que presta atendimento a pacientes em tratamento oncológico, o projeto Estética e Cosmética em Odontologia, que realiza tratamento restaurador estético dos dentes anteriores, o projeto de Atenção a Saúde da Criança e do Adolescente - PASCA que realiza acompanhamento de bebês e profilaxia em crianças, o projeto Corrente do Bem, que realiza tratamento ortodôntico em crianças, o projeto Tratamento endodôntico de molares com ênfase em retratamento que realiza tratamento de canal e retratamentos de canal e o projeto Restaurações Diretas em Dentes com Ampla destruição Coronária que realiza reconstruções em dentes amplamente destruídos.

 

Responsável Técnica: Prof.ª Dra. Márcia Helena Wagner - Coordenadora do Curso

Setores de Apoio:

Recepção
Central de Esterilização e Distribuição de Materiais
Almoxarifado
Manutenção
Radiologia
Banco de Dentes

---------------------------------------------------------
Localização:
Bloco 32

Telefone para contato: (51) 3717-1115

Ramal interno: 7376

E-mail: odonto@unisc.br

Regras do setor de Recepção – comunicadas aos estudantes:

 

1. Agendamento e Atendimento:

  • Atender o paciente somente com a supervisão do professor orientador;
  • Solicitar pedido de marcação com 48hs de antecedência e com todas as informações preenchidas, entre elas: datas, nome do paciente e assinatura do professor orientador;
  • Solicitar agendamento (marcar, desmarcar ou remarcar) através do formulário destinado para isto e não de forma verbal; O uso do telefone para esta tarefa está restrito aos funcionários do setor;
  • Solicitar paciente novo somente após conclusão do procedimento que está sendo realizado, com o registro da alta da disciplina em prontuário;
  • Conferir a sua agenda de atendimentos da semana/ mês;

Obs: Situações especiais são avaliadas pelos funcionários designados para esta tarefa;

 

1.1 Pacientes

  • O paciente que precisar se atrasar por algum motivo, deverá avisar e a tolerância de atraso é de dez minutos após o horário agendado;
  • O paciente que faltar a consulta terá sua falta registrada e não será agendado para aquele tratamento novamente; Para realizar o tratamento em outro dia, seu histórico de faltas será avaliado
  • Pacientes com histórico de faltas estão sendo inativados do cadastro de pacientes, os estudantes podem trazer para conhecimento os prontuários que vierem a perceber esta situação;
  • O paciente que desmarcar a consulta com antecedência poderá ser remarcado para o próximo dia livre na agenda, desde que esta situação seja a primeira vez; Marcar sempre o paciente que já iniciou o tratamento para o mesmo aluno para a continuidade;
  • Os menores de 18 anos somente serão atendidos mediante a presença de um representante legal, que deverá permanecer na sala de espera durante todo o período de atendimento;
  • Pacientes com taxas de atendimento em aberto poderão ser agendados para a semana que forem regularizar o pagamento; Casos especiais podem ser avaliados na Coordenação;
  • Os pacientes devem comparecer munidos de documentos: identidade ou CPF e comprovante de residência; Casos especiais podem ser avaliados na Coordenação;
  • Manter o pagamento em dia para dar seguimento ao tratamento. No caso das parcelas de prótese, o pagamento em aberto poderá implicar na não realização do caso no semestre em curso;

 

1.2. Prontuários:

 

  • Registrar todos os procedimentos realizados no prontuário, inclusive avaliações e quando o mesmo estiver concluído;
  • Retirar e devolver o prontuário no mesmo turno de atendimento. É considerada falta grave a não devolução deste documento, podendo implicar em advertência disciplinar;
  • Retificar as informações dos pacientes em prontuários de forma correta, jamais riscar, rasurar, passar corretivo líquido, deixar linhas em branco, informações incompletas, etc. Informar-se como fazer o registro da retificação com o funcionário responsável pelo sistema;

 

1.3. Caixa:

  • O pagamento das taxas de consulta deverá ser feita antes do paciente ser atendido.
  • Celebrar o contrato “termo de compromisso” mediante a certeza que o paciente fará a prótese, nas primeiras semanas de março e agosto;
  • Contatar com as funcionárias do Caixa para ter informações sobre condições de pagamento; No caso das disciplinas de prótese estas informações serão explicadas pelo funcionário do caixa no momento do preenchimento do termo (atualmente é possível fazer o pagamento com uma entrada mais 3x parcelas quando o contrato for assinado em março e agosto; ou em 6x com cheque quando o contrato for assinado em março e agosto).
  • Solicitar a liberação da ficha do protético no guichê do Caixa para encaminhamento do modelo/ trabalho de prótese no setor de Distribuição (a ficha é assinada mediante pagamento em dia do paciente);

 

1.4. Funcionamento da Urgência:

  1. Como o paciente é atendido:

Os atendimentos de urgência são previamente agendados.

No momento que o paciente entrar em contato com a recepção, os funcionários o informarão sobre os horários de atendimento e farão o agendamento da consulta,  observando sua principal queixa no campo descrição (motivo do plantão). Ainda, esclarecerão, que os professores avaliarão a demanda para verificar a possibilidade do atendimento naquele turno.

  1. Informações por telefone:

Quando o paciente entrar em contato através do telefone, o funcionário informará que ele deve comparecer com seus documentos, preferencialmente com três: RG, CPF e comprovante de residência.

  1. Cadastro:

Todos os pacientes atendidos devem passar antes pela área de Cadastro;

  • Atendimento dos pacientes da urgência em outras disciplinas:

Caso este paciente externo demonstre interesse em ser atendido na Clínica em outras disciplinas, o mesmo poderá ser encaminhado para as disciplinas, assim como para fazer os exames radiográficos e após deve ser agendado um horário para a avaliação destes exames na consulta de triagem;

Para as disciplinas as quais temos carência de pacientes (Ex. Endo II e Cirurgia) agenda-se a consulta na disciplina através de encaminhamento.

  • Cobrança de taxa: o valor da taxa básica das consultas é R$ 20,00 podendo sofrer variações em função do procedimento realizado.

Regras da Distribuição de Materias – comunicadas aos estudantes


Horário de funcionamento:

Manhã: 7:45 – 11:10

Tarde: 13:15– 16:50

Noite: 18:45 – 22:20


Regras do setor:

  • Usar a sobre luva para retirar materiais e equipamentos;
  • Preencher corretamente a ficha de encaminhamento de próteses (data, horário de envio e de retorno e as assinaturas);
  • Materiais de consumo somente serão entregues para alunos matriculados nas disciplinas clínicas daquele turno;
  • Retirar 2 tubetes de anestésico para cada aluno, se necessário mais somente com a autorização do professor; Na disciplina de periodontia, o anestésico é retirado somente com autorização do professor.
  • Na distribuição é disponibilizado SOMENTE o que NÃO se encontra na lista de materiais dos alunos;
  • Devolver os materiais, como resina, adesivo, ácido, algodão, gaze entre outros, na Distribuição e não deixar no box;
  • Retirar o lixo do seu box, sendo que o mesmo deve ser descartado em local apropriado;
  • A devolução dos equipamentos deve ser feita pelo aluno que retirou o mesmo, qualquer dano será da responsabilidade desse aluno;
  • Retirar com o gral materiais como gesso e alginato;
  • Retirar com o Dappen: Pedra pomes, branco espanha, entre outros. Somente serão entregues no copo plástico líquidos e anestésicos tópicos);
  • Alunos de ortodontia e oclusão não receberão materiais em outros turnos (fora do seu horário de clínica), com exceção os turnos em que os professores orientadores estejam no Curso para autorizar a utilização;
  • As amostras de biópsias devem ser entregues na Distribuição para encaminhamento ao laboratório e o resultado do exame é entregue ao Projeto de Diagnóstico de Câncer Bucal para retorno ao paciente;
  • Solicitar remédios para pacientes somente com a requisição assinada pelo professor;
  • Registrar os chamados referentes a manutenção do seu box no setor de Distribuição ou diretamente na Manutenção;

HORÁRIOS SALA DE LAVAGEM E ESTERILIZAÇÃO – 2011

Horário de abertura da CME (retirada do instrumental esterilizado ):

Manhã: 7:45 até 8:30

Tarde: 13:15 até 14:00

Noite: 18:45 até 19:30

Após o horário estipulado somente com autorização do professor.

 

Horário de abertura e fechamento da sala de Lavagem:

Manhã: 9:30 até 11:40

Tarde: 15:00 até 17:10

Noite: 20:30 até 22:10

 

Horário de abertura do armário para guarda de instrumental dos alunos que não possuem tempo para realizar a limpeza em seguida do atendimento:

Manhã: a partir das 11:40

Tarde: a partir das 16:50

Noite: a partir das 22:00


Regras da Central de Esterilização – comunicadas aos estudantes

Obs. Os procedimentos relacionados área de biossegurança estão no link da BIOSSEGURANÇA e fixados no mural das clínicas;

 

  • Usar o EPI completo (lavagem, embalagem do instrumental e atendimento);
  • Para atender, além do EPI, o estudante deve estar de roupa, jaleco e calçado, conforme a regulamentação aprovada em Colegiado;
  • Para somente entrar na clínica deve-se estar de calçado fechado, calça e jaleco;
  • Deixar o instrumental no armário de armazenamento pelo prazo máximo de 24 horas, caso contrário o instrumental será repassado para a área de biossegurança;
  • Obs.: Somente será esterilizado o material mediante a entrega da chave.
  • Retirar a luva de borracha para a lavagem deverá ser feita junto com o instrumental no início do turno;
  • O aluno não poderá solicitar a entrega da chave ou instrumental que não seja do seu próprio material;
  • Colocar material para o processo de esterilização dentro do prazo estipulado: 2 turnos de antecedência;
  • Artigos de uso único não são esterilizados: esponja do tamburel, seringa plástica, lâmina de bisturi, agulha p/ seringa plástica, fios de sutura agulhado;
  • Solicitar que seja feito o registro da reclamação referente a perda de instrumental. Há um formulário específico na Central de Esterilização;
  • Devolver no guichê da CME da clínica para a funcionária atendente, o material esterilizado que não for utilizado; O material que for deixado no balcão sem a presença das funcionárias NÃO será guardado na Caixa do estudante;
  • Instrumental não lavado, enferrujado e embalado incorretamente não será esterilizado;
  • Os aventais cirúrgicos utilizados na cirurgia deverão ser retirados na clínica e devolvidos na lavagem;
  • Embalar novamente os pacotes fora de validade, sujos ou rasgados para depois serem reprocessados;
  • Os instrumentais novos devem ser lavados e não somente embalados;
  • Manter fechadas as caixas plásticas com os materiais/instrumentais. Organizar o instrumental para que as caixas plásticas fiquem com as tampas fechadas;
  • Repor o material que lhe foi emprestado da clínica e não foi devolvido;
  • Não será emprestado o instrumental do plantão/triagem;
  • Devolver as chaves no final do turno junto com o material a ser esterilizado na sala de lavagem, ou através da “passagem” do balcão do guichê de entrega do material esterilizado;
  • É possibilitado a reutilização do pacote de grau cirúrgico, desde que seja possível efetuar um novo carimbo de controle de esterilização, desde que o mesmo não esteja com perfurações, manchas, carimbos de outros estudantes e datas de esterilizações de anos anteriores;
  • Os materiais que podem ser embalados separadamente são: Placa de vidro, Placa de Petry, Trio, Tamborel, Limas, Grampos, Cones de Papel, Moldeiras, Brocas, Arco e Dappen;
  • Colocar os indicadores em todos os pacotes (caixas e bandejas);
  • Registrar o resultado do indicador químico no formulário da sua disciplina, no início do turno;
  • Carimbar todo o seu instrumental;
  • O processo de esterilização das brocas utilizadas em atendimentos na clínica é realizado em auto-clave;
  • A validade do processo de esterilização dos artigos processados na CME da Clínica é de seis meses, desde que o pacote esteja íntegro, limpo e não tenha saído das dependências da clínica 1 e 2;

MENU PRINCIPAL